Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 30 de Março de 2020. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
31081982


Edicão n° 169 de Julho 2017


EDUCAçãO

Alunos da FEI desenvolvem projetos que estimulam a Sustentabilidade e protegem o Meio Ambiente


Formandos do Centro Universitário FEI produziram diversos projetos de conclusão do
curso, que visam melhorar e contribuir para uma sociedade mais sustentável. Entre os
trabalhos de destaque está a Selecta, um protótipo de equipamento para a triagem de
lixo reciclável (pré-selecionado). A máquina contém três etapas de separação, cada um
separa tipos de materiais diferentes, agilizando o processo de separação de lixo e
gerando empregos.

Outro grupo desenvolveu o Helios FEI, um concentrador cilíndrico parabólico capaz de
gerar energia heliotérmica, que é limpa e barata. Já na área de Engenharia Química,
destacam-se estudos voltados para tratamento da água, com destaque para a água
ácida, bastante comum em refinarias de petróleo.

Saiba mais sobre os projetos:

Helios FEI- O projeto consiste em um concentrador cilíndrico parabólico no qual foram
colados espelhos coletores utilizados para concentrar a luz solar em tubos receptores
posicionados ao longo da linha focal dos espelhos que são desenhados para seguir a
posição do Sol. Dentro do tubo temos um fluxo de água passando que é aquecida pela
concentração de luz solar incidente. Essa mesma água quente será a fonte de energia
para um “chiller” de absorção que nada mais é do que uma máquina frigorífica. A ideia é
tentar substituir a eletricidade, como fonte de energia, pela enérgica heliotérmica, que é
limpa e barata. Pode ser empregado em sistemas de refrigeração (geladeiras, ar
condicionado, frigobar) e para sistemas de aquecimento (chuveiros e aquecedores).

Fusion - O projeto une o fornecimento de calor ao controle de sua umidade interna,
oferecendo uma alternativa de fornos voltados às cozinhas e restaurantes no mercado
nacional.

Selecta - O projeto é basicamente uma máquina de seleção de lixo reciclável (pré-
selecionado). A máquina trabalha com duas esteiras de transporte e três esteiras de
separação. O material entra na esteira de transporte e é desvinculado um do outro e
arremessado para cima por bicos pneumáticos alcançando assim uma área de arrasto de
ventiladores que empurram esse material para uma coifa, chegando a uma esteira de
separação. A máquina contém três etapas de separação, onde cada etapa separa uma
gama de material diferente.

Comparação entre os tratamentos por esgotamento e membrana para a água ácida
proveniente de refinaria de petróleo - A água ácida ou sour water é um tipo de efluente
bastante comum em refinarias de petróleo e contém resíduos de substâncias tóxicas.
Nesse projeto, fez-se uma análise do tratamento da água ácida, comparando-se o
esgotamento por vapor e a separação por osmose reversa.

Estudo da separação de fases biodiesel-glicerina da reação de transesterificação etílica -
A purificação do biodiesel é uma etapa bastante importante em seu processo de
obtenção. Nesse projeto, promoveu-se a separação de fases entre biodiesel e glicerina,
verificando-se a eficiência do processo por meio de decantação, centrifugação e através
de lavagem a com água quente.

Desenvolvimento do processo de tratamento de efluente de uma indústria de tinturaria -
Efluentes provenientes de tinturaria tem grande potencial para provocar danos ao meio
ambiente. Nesse projeto, desenvolveu-se uma estação de tratamento para esse tipo de
efluente, promovendo-se seu posterior reuso na própria tinturaria.

Estudo da extração da quercetina a partir da cebola roxa e seu uso como conservante
alimentar natural - A quercetina é uma substância antioxidante encontrada na cebola
roxa (Allium Ceppa L.) e tem potencial para ser usada como conservante natural de
alimentos. Nesse trabalho, foram determinadas em laboratório as melhores condições
para a extração da quercetina.

Sobre o Centro Universitário FEI

Com 77 anos de tradição, o Centro Universitário FEI é referência entre as instituições
universitárias no Brasil, nas áreas de Administração, Ciência da Computação e
Engenharia. A Instituição, com campus em São Bernardo do Campo e na capital
paulista, já formou mais de 50 mil profissionais, entre engenheiros, administradores de
empresas e profissionais da área de Ciência da Computação, muitos ocupando posições
de liderança nas principais empresas do País.

Mantida pela Fundação Educacional Inaciana Pe. Sabóia de Medeiros, o Centro
Universitário FEI integra a Rede Jesuíta de Educação e agrega marcas históricas de
instituições de ensino de São Paulo: Faculdade de Engenharia Industrial, Escola Superior
de Administração de Negócios e Faculdade de Informática.

Os cursos oferecidos são Administração, Ciência da Computação e Engenharia –
habilitações em Engenharia Civil; Engenharia de Automação e Controle; Engenharia de
Materiais; Engenharia de Produção; Engenharia Elétrica, com ênfase em Eletrônica, em
Computadores e em Telecomunicações; Engenharia Mecânica e Engenharia Mecânica
com ênfase Automobilística; Engenharia Têxtil; e Engenharia Química. Oferece ainda
cursos de pós-graduação lato sensu nas áreas de Tecnologia e de Administração, entre
outros; mestrado em Administração, Engenharia Elétrica, Mecânica e Química; e
doutorado em Administração e Engenharia Elétrica.

...

Programa de resistência às drogas da BM forma crianças em 12 municípios


A Brigada Militar (BM) formou cerca de 25 mil alunos das redes municipal e estadual de
ensino de 92 municípios no primeiro semestre de 2017. Os estudantes fazem parte do
Programa de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). O projeto social, que é
desenvolvido há 19 anos pela BM, conta com atividades pedagógicas realizadas nas escolas
da rede pública. O objetivo é orientar e prevenir que os estudantes entrem em contato com
o mundo das drogas. O foco da ação são crianças entre oito e 12 anos que estejam
cursando do quinto ao nono ano do Ensino Fundamental.

Consolidado na comunidade escolar, o Proerd trabalha noções de prevenção e desenvolve
conceitos como o de cidadania, reduzindo o uso de drogas e a violência entre crianças e
adolescentes. No Rio Grande do Sul, a ação começou em 1998, como política pública
estadual, a partir da publicação da lei 13.468. Em 19 anos de existência, a Brigada Militar e
o Proerd já formaram mais de 1,2 milhão de crianças e adolescentes.
As solenidades de formatura contaram com a presença de autoridades civis e militares de
cada município, pais e responsáveis, comunidade escolar e comandantes de cada Comando
ou Batalhão de Polícia Militar responsável pela região das escolas onde exista o programa. ...

Aprendizagem melhora para 90% dos alunos de tempo integral em um ano


Para divulgar e analisar os resultados das avaliações do Programa Escola em Tempo
Integral, a Secretaria da Educação, via Divisão de Programas e Projetos Especiais,
promoveu uma videoconferência com os seis polos regionais de educação. Os dados
coletados entre os meses de maio de 2016 a maio 2017 revelam que 90% dos alunos
consideraram ter melhorado sua aprendizagem e 87,4% não se sentem excluídos das
atividades escolares.
Conforme a assessora do Programa Escolas em Tempo Integral Elida Maria Montani, a
pesquisa foi feita online e a divulgação para os polos das coordenadorias regionais de
Educação ocorreu de forma estratégica para que fosse possível analisar de forma
conjunta os resultados. “A avaliação é de extrema importância para sabermos se as
políticas públicas estão indo na direção correta. Felizmente tivemos bons indicadores que
nos mostram o quão dedicados são os nossos professores. Existe muito a ser feito, mas
é preciso cumprimentar pelo trabalho desenvolvido até agora.
Escola Estadual de Ensino Fundamental Aurélio Reis
Funcionando desde julho do ano passado como Escola em Tempo Integral, a instituição
de ensino Aurélio Reis, localizada no bairro Jardim Floresta, em Porto Alegre, é um dos
exemplos de organização e bom desempenho.
A Escola que atualmente conta com 36 professores e 249 alunos se apoia nas suas
atividades complementares para fazer a diferença. Educação física, aulas de espanhol,
teatro, música, dança, aulas práticas de matemática, plantio de hortas escolares,
recreação, aulas de direitos humanos e meio ambiente. Todas essas atividades fazem
parte do dia a dia dos alunos de tempo integral, conforme a diretora Nassara Brum
Pires.
"Procuramos oferecer para as nossas crianças não só o conteúdo ou a atividade prática,
mas o resgate de valores e a formação da cidadania. Aqui as aulas são à tarde, e pela
manhã temos as atividades complementares. Queremos promover a integração e o
desenvolvimento social e educativo dos nossos estudantes", explica.
Para a professora de espanhol, Ana Paula Venquiaruti, a Escola em Tempo Integral é
uma excelente oportunidade para os alunos melhorarem os estudos. " No período
inverso eles podem vir aqui falar comigo e tirar as suas dúvidas. Isso aumenta o tempo
de estudo deles e melhora também o desempenho”, afirma.
O professor de Educação Física, Wagner Maidana, revela a importância de oferecer
atividades físicas mais completas e elaboradas para as crianças. "Em geral, muitos
pensam que a atividade física é só futebol. Na verdade, quando tratamos dos pequenos
nas séries iniciais, temos todo um trabalho de desenvolvimento motor, de cognição e
reforço dos potenciais físicos que irão auxiliar no crescimento daquela pessoa. O fator
emocional também é muito importante, por isso buscamos integrá-los da melhor forma
possível", destaca.
O aluno João Vitor Lexeus, de 9 anos, é do 4° ano do Ensino Fundamental e diz o que
ele mais gosta na Escola em Tempo Integral: "Praticar atividade física é muito bom. Tem
vôlei, futebol e corrida. Gosto de estar perto dos amigos e dos professores”, afirma.
Escola Estadual de Ensino Médio Cônego José Leão Hartmann
Em Canoas, no Bairro Guajuviras, funciona a instituição de ensino Cônego José Leão
Hartmann. Com foco no desenvolvimento psicossocial dos estudantes, a escola é outro
exemplo que merece destaque. Com atividades complementares de matemática,
ciências, nutrição, meio ambiente, horta escolar, culinária, produção textual e educação
física, os alunos podem aproveitar todo o esforço dos educadores para melhorar seu
rendimento.
A Escola conta atualmente com 1.400 alunos no total, e desses, 350 fazem parte da
Escola em Tempo Integral. O atendimento é para alunos do 1° ao 5° ano do Ensino
Fundamental.
De acordo com a vice-diretora Darlene Santos, a ideia é que os alunos utilizem o turno
inverso para atividades que vão contribuir para a formação de uma educação
qualificada. "Temos aqui muitos espaços de aprendizado e interação e os exercícios
práticos servem complementar o estudo”, afirma.
Segundo a professora de Ciências e Matemática, que também é nutricionista, Isolda
Borges, um dos diferenciais da escola é exatamente trabalhar a parte de alimentação,
inclusive ensinando às crianças receitas de alimentos saudáveis. "Uma das atividades
mais bem recebidas pelos estudantes é o conhecimento sobre como manter uma
alimentação saudável. Temos aulas práticas onde eles podem aprender as receitas e que
vitamina contém cada alimento", revela. ...

Campeonato Estudantil do Rio Grande do Sul abre oficialmente neste sábado


O Campeonato Estudantil do Rio Grande do Sul (Cergs) será aberto oficialmente neste
sábado (1º), em Porto Alegre. A cerimônia está agendada para as 9h, no Centro Estadual
de Treinamento Esportivo (Cete), na Rua Gonçalves Dias, 700, no bairro Menino Deus. Em
2017 são 3.310 atletas inscritos, de mais 200 escolas de 45 municípios diferentes. Os
campeões estaduais representam o estado nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ),
organizados pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB). O Cergs é promovido pela Secretaria de
Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (Sedactel), por meio de edital, com verba
oriunda da Lei Geral do Desporto, a chamada Lei Pelé.
O evento de abertura será junto com as competições de judô, que acontecem no ginásio de
lutas do Cete durante todo o dia. O Cergs engloba 13 modalidades diferentes divididas em
duas categorias: de 12 a 14 e de 15 a 17 anos, femininas e masculinas. Os jogos
acontecem até setembro, em diferentes cidades. As etapas nacionais ocorrem em
setembro, em Curitiba, e em dezembro, em Brasília.
A principal proposta dos jogos é educar e reforçar a cidadania pela prática esportiva. São
práticas de superação e socialização reforçadas pela cultura da paz, que permeia o meio do
esporte. As modalidades do Cergs são as individuais: atletismo (237 inscritos), Badminton
(64), ciclismo (32, ginástica rítmica (21), judô (224), natação (91), tênis de mesa (29),
vôlei de praia ( 21) e xadrez (41); e as coletivas: basquete (58 equipes), vôlei (51), futsal
(80) e handebol (55).
...




Edição n° 169 - Julho 2017

Selecionar Edição
  • Edição n° 201
  • Edição n° 200
  • Edição n° 199







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821