Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 05 de Dezembro de 2019. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
30792558


Edicão n° 197 de Novembro de 2019


ARTIGO

Coluna da OAB/RS


Portal da Advocacia

Desde o dia 19 de novembro, os aprovados no exame de Ordem, agora aptos a se
inscreverem nos quadros da OAB/RS, poderão solicitar sua inscrição online através do Portal
da Advocacia, a nova plataforma da Ordem Gaúcha. O lançamento do Portal da Advocacia
marca o início de uma nova geração para a OAB/RS, que, até 2021, estará totalmente digital,
conforme garante o presidente da entidade, Ricardo Breier. Agora, neste primeiro momento,
com o Portal, após anexar na plataforma todos os documentos que são necessários para se
inscrever na OAB, os requerentes só precisarão ir até às subseções para validar os
documentos. O sistema utilizado para o Portal da Advocacia foi realizado através de um
convênio da seccional gaúcha com o TRF4, que possibilitou a transição do sistema antigo
utilizado para o SEI Julgar. Os novos advogados e novas advogadas não precisam se
preocupar, pois a utilização do Portal da Advocacia é totalmente intuitiva. Ainda assim, caso
sinta necessidade de ajuda para utilizar o sistema, será possível entrar em contato pelo e-mail
informatica@oabrs.org.br ou pelos telefones 3287-1800 /3287-1866. O Portal da Advocacia
faz parte do projeto de modernização da atual gestão da OAB/RS, acesse: portal-
advocacia.oabrs.org.br.

OAB/RS debate sobre a publicidade na advocacia

A publicidade na advocacia é um tema recorrente em conversas entre advogados, sobretudo
após o crescimento do uso de redes sociais. Nesse sentido, a OAB/RS sediou a Audiência
Pública para debater e ouvir as demandas da advocacia gaúcha a respeito da publicidade
profissional e os novos meios de comunicação. O encontro ocorreu no auditório da seccional
gaúcha. Na ocasião, o presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, afirmou que a fiscalização do
exercício profissional é uma bandeira importante da Entidade, e a discussão a respeito da
publicidade é fundamental. Durante a audiência pública, os principais pontos abordaram: a
publicidade em times de futebol; assessorias não reguladas; captação irregular de clientes;
advogados correspondentes; impulsionamento de publicações em redes sociais; e assessoria
de comunicação para escritórios de advocacia. O secretário-geral adjunto da OAB nacional,
Ary Raghiant Neto, também participou do evento.

Desafios e perspectivas da educação continuada para a jovem advocacia

A Comissão do Jovem Advogado da OAB/RS (CJA) tem realizado diversas palestras com o
objetivo de qualificar os profissionais que estão no início da profissão. Dando sequência a esse
trabalho, será realizado o evento: “A advocacia e os caminhos da educação continuada”. A
iniciativa ocorre nesta quinta-feira (28), a partir das 19h, no auditório do 2º andar da Ordem
gaúcha. De acordo com a vice-presidente da CJA e organizadora do evento, Bruna Razera, o
evento seguirá um olhar multidisciplinar e de qualificação da jovem advocacia. Ele terá como
palestrante o gerente acadêmico da escola de Direito da Uniritter, Marcelo Maduell Guimarães.

OABCast no Spotify

Já ouviu os programas do OABCast? A OAB/RS é pioneira entre as seccionais em estar
presente no Spotify e lançar seu próprio podcast. Na página da Ordem gaúcha, você pode
conferir todas as notícias e ações realizadas pela entidade. Além disso, é possível ter acesso à
playlist de músicas do presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, as músicas mais tocadas na
Rádio OAB/RS, e ao OABCast.



----------------------------------------

Comunicação Social da OAB/RS ...

Motivação Extrínseca


Conversando com um empresário supermercadista em uma cidade do interior do RS,
alguns meses atrás, ele me relatou que não sabia mais o que fazer para mudar as
atitudes dos seus colaboradores. Citou que, recentemente, havia promovido uma
palestra motivacional para a equipe, mas, alguns dias depois, tudo estava como
anteriormente. Observou que, quando um colaborador ingressa no emprego, mostra-se
motivado, mas que, pouco tempo depois, entra no mesmo padrão dos demais.

Curioso, resolvi constatar pessoalmente esta situação. Entrei neste estabelecimento,
coloquei alguns produtos no carrinho e me dirigi a um dos caixas, operado por uma
senhora. Realmente, ele tinha razão: se eu tivesse dito “boa tarde” para um poste, a
resposta teria sido a mesma. “Pra puxar conversa” como fala o gaúcho, comentei sobre
o preço de um produto e ela ainda permaneceu em silêncio, me ignorando totalmente.
Então, em mais uma última tentativa de conexão, comentei sobre o total da compra e
ela me respondeu meio com palavras atiradas, “tá tudo virado numa coisa”. Pois é, o
duro é que este caso é real.

Após descrever a este empresário o que possivelmente ocorria no seu ambiente de
trabalho, foi implantado lá um sistema de Reprogramação Quântica do Ambiente Básico.
Após algumas demissões voluntárias, o fator “clima” do ambiente de trabalho
atualmente está excelente, inclusive recebendo elogios dos clientes. Os resultados
financeiros do negócio melhoraram consideravelmente.

Motivação, motivo para a ação, está atrelada à energia do ambiente. O clima do
ambiente de trabalho exerce influência sobre as pessoas.

A motivação imposta pelo ambiente, motivação extrínseca, prevalece sobre a
automotivação, e este é um dos principais fatores que transforma as pessoas. O padrão
de energia mais forte é o que predomina, assim, como, por exemplo, o som mais alto
predomina.

Portanto, o efeito da automotivação tende a diminuir se a pessoa permanecer em um
ambiente desequilibrado. O padrão de energia do ambiente prevalece sobre as energias
individuais, justificando por que pessoas normalmente motivadas perdem o entusiasmo
ao permanecerem em um local ruim, ou seja, com baixa energia. A Reprogramação
Quântica do Ambiente Básico interfere de forma constante no fator ambiental que
promove a motivação extrínseca.

Isnar Amaral

Consultor Ambiental

Especialista em Qualidade do Ambiente

www.ambientebasico.com.br ...

Coluna da OAB/RS


OAB/RS manifesta interesse em adotar o Largo dos Açorianos

A Ordem gaúcha encaminhou um ofício à prefeitura de Porto Alegre, manifestando
interesse em adotar o Largo dos Açorianos. Nos próximos dias, a proposta da entidade
deverá ser analisada pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade.
O prazo previsto para a adoção é de 12 meses, que poderá ser prorrogado por igual
período. Os principais serviços a serem realizados pelo adotante são: corte de grama,
manutenção dos canteiros, limpeza dos espelhos d’água, varredura e recolhimento de
lixo, manutenção preventiva das bombas hidráulicas e instalação de sinalização de
educação ambiental e informativa com placas, respeitando especificações técnicas
previstas no documento. A adoção da praça integra o projeto OAB Cidadã.

Código Ambiental do RS favorece o diálogo democrático

Em decisão liminar, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul suspendeu a tramitação
em regime de urgência na Assembleia Legislativa do novo Código Ambiental do RS. A
proposta havia sido enviada pelo governador Eduardo Leite para o Poder Legislativo com
pedido para ser analisada em 30 dias pelos deputados estaduais. A partir da decisão do
desembargador Francisco José Moesch, a expectativa da OAB/RS é pela participação dos
cidadãos gaúchos nos debates que deverão ser realizados na Assembleia. “Entendemos
que essa nova realidade favorece o diálogo democrático. O engajamento da população
gaúcha na elaboração do novo Código Estadual Ambiental assegura a necessária
representatividade da cidadania nos debates”, avalia o presidente Ricardo Breier.

Sessão de autógrafos na 65ª Feira do Livro de Porto Alegre

A 65ª Feira do Livro de Porto Alegre contará com a tradicional Sessão de Autógrafos de
Advogados nesta terça-feira (05). O evento, que é realizado pelo projeto OAB Autografa,
contará com 16 obras publicadas por profissionais gaúchos. A sessão acontecerá às
17h30 no Memorial do Rio Grande do Sul (Rua Sete de Setembro, 1020 – Praça da
Alfândega), em Porto Alegre.

Breier promove reunião entre Fórum dos Conselhos Regionais e MPF/RS

Com o objetivo de promover ações conjuntas voltadas para aproximar e integrar as
instituições, o presidente da OAB/RS e do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das
Profissões Regulamentadas, Ricardo Breier, e outros membros do Conselho,
participaram de uma reunião com a procuradora-chefe do Ministério Público Federal do
Rio Grande do Sul (MPF/RS), Cláudia Paim. Na última semana, o Fórum dos Conselhos
Regionais assinou, junto ao Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul (MP/RS),
um termo de cooperação técnica. O objetivo é o de que outras instituições públicas
assinem o termo. Segundo Breier, o Fórum dos Conselhos tem trabalhado em prol da
sociedade e da fiscalização do exercício profissional dos associados.


Comunicação Social da OAB/RS ...

A psicologia do Maracanazo


Apesar da derrota parcial, o Grêmio encerrava bem o primeiro tempo. Fazia um jogo
parelho e, com mais um gol, levava aos pênaltis. Veio a segunda etapa, o segundo gol
do Flamengo e tudo desmorona. Três, quatro, cinco gols. Abatido em campo, o Tricolor
estava em pedaços e era incapaz de reagir.

Para além de questões físicas e táticas, a eliminação histórica do Grêmio na Libertadores
chama atenção para algo que ainda é pouco trabalhado nos clubes brasileiros: o aspecto
psicológico. Levantamento de 2018 mostrava que apenas seis times da Série A possuíam
psicólogos nas comissões técnicas das categorias principais.

Diz o senso comum que futebol é emoção. Mas dentro das quatro linhas, a questão
emocional é lembrada de forma pontual, geralmente em situações como esta, de
eliminações onde um time sucumbe dentro de campo. Além disso, muitas vezes o
trabalho psicológico é assumido pelo treinador, que acaba responsável por gerenciar a
saúde mental da equipe. Há falta de conhecimento e até mesmo preconceito sobre a
intervenção de psicólogos nos times.

No entanto, a psicologia esportiva é uma realidade cada vez maior em diversos países,
federações e equipes, atuando da base até os atletas de ponta. Somente a seleção
alemã de futebol, que em 2014 aplicou o traumático 7x1, tem cinco desses especialistas
à disposição.

A atuação continuada de um psicólogo esportivo auxilia no gerenciamento emocional dos
jogadores em diferentes aspectos, como atenção, concentração e manejo da ansiedade.
Traz apoio em questões do dia a dia dos atletas, como transição de carreira, lesões e
privação do convívio familiar. É, também, de grande valia para fortalecer a equipe antes
de decisões - ou na recuperação após um evento marcante como o do Maracanã, na
semana passada.

É necessário superar barreiras e investir mais na preparação emocional das equipes. Um
trabalho que deve ser feito de forma estruturada, desde a base, sendo parte inclusive
das comissões técnicas, intervindo na partida ou no vestiário. Um pilar do clube, não um
bombeiro que virá ao socorro para apagar incêndios. Por trás de "Maracanazos", há
desgastes físicos, erros ou nós táticos. Mas há, também, questões psicológicas
essenciais que devem ser consideradas. Hora de trazer esse tema para dentro de
campo.

Kayane Zanini *

* Psicóloga do esporte e do exercício - CRP 07/28.716 ...




Edição n° 197 - Novembro de 2019

Selecionar Edição
  • Edição n° 198
  • Edição n° 197
  • Edição n° 196







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821